Reforma trabalhista foi um dos temas debatidos em reunião da CBIC

BRASÍLIA

Os membros do Conselho de Administração da CBIC se reuniram nesta quarta-feira (08/03), na sede da entidade, em Brasília. A reunião contou, entre outras, com a participação do assessor Especial do Ministério do Trabalho, Admilson Moreira dos Santos, que debateu com os empresários do setor a proposta de reforma trabalhista encaminhada ao Congresso Nacional pelo presidente Michel Temer.

Santos ressaltou que o Brasil precisa focar na produtividade. “A produtividade está na agenda do País”, disse. Também foram abordadas questões relacionadas à prevalência do negociado sobre o legislado e a importância da formalidade, entre outros.  “A formalidade é de interesse público”, destacou.

O jornalista Valdo Cruz, da GloboNews, que também participou da reunião, fez um panorama sobre a conjuntura econômica e política. Segundo ele, ao contrário do registrado no final de 2016, no início deste ano a economia nacional começou a melhorar e a percepção externa é ainda melhor do que a interna. “Temer é um governo reformista, disposto a bancar as reformas, o que possibilita confiança e um caráter menor intervencionista”, enfatizou Cruz.

Na reunião, o presidente da CBIC e conselheiro do CDES, José Carlos Martins, também comentou o trabalho desenvolvido pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) da Presidência da República que culminou nas 15 recomendações da sociedade civil ao governo federal apresentadas ontem (07/03) ao presidente Michel Temer. As recomendações sobre os temas ambiente de negócios; educação básica; agronegócio; desburocratização e modernização do Estado, e produtividade e competitividade visam contribuir para a sustentabilidade dos primeiros sinais de recuperação da economia nacional e alavancar o desenvolvimento do País. A próxima reunião do Conselho de Administração da CBIC será no dia 19 de abril.

Fonte: CBIC Hoje (edição de 8/03/2017)